... de Pernambuco, do Brasil e do Mundo! Descubra e compartilhe sua natureza.
  1. Mídias
  2. Tunicado Phallusia mammillata

Tunicado Phallusia mammillata

Publicado por Aléssio F.

no dia 20/02/2024

28 visualizações

0 comentário

Tunicado Phallusia mammillata

Escala do sujeito : 10 cm

Descrição

Phallusia mammillata é uma das maiores e mais abundantes espécies de ascídia (Urochordata) do litoral rochoso da região da Bretanha, França. Devido ao seu grande porte, é uma espécie conhecida por hospedar várias espécies de invertebrados comensais, como pequenos crustáceos (copépodes) [1].

Ascídias são invertebrados cordados marinhos que se desenvolvem rapidamente através de uma larva móvel com um plano corporal simples. Durante a fase de dispersão, a larva não se alimenta e se instala em algum sustrato após um curto período de natação. As larvas de ascídias, chamadas popularmente de girinos, por causa da semelhança com as larvas de anfíbios, perto do final da fase de natação livre, secretam uma substância mucosa das células glandulares de suas papilas adesivas, localizadas na extremidade anterior da larva, o que ajuda as larvas a se fixarem em uma superfície adequada [2]. Uma vez fixada no substrato, a larva sofre uma metamorfose radical e produz uma tunica externa para proteger seu corpo.

Pode não parecer, mas os tunicados são os invertebrados filogeneticamente mais próximos dos vertebrados. São animais filtradores, que se alimentam de particular orgânicas em suspensão na água e de pequenos animais do zooplancton.

Registro realizado no dia 11 de fevereiro de 2024 na ilha Tristan, Douarnenez, França.

Marcadores do autor

Observações

[1Arduini, D., Doria, L., Borghese, J., Gravina, M. F., & Giangrande, A. (2023). The Ascidian–Amphipod Association between Phallusia mammillata (Cuvier, 1815) and Leucothoe richiardii (Lessona, 1865) in the Mar Grande of Taranto (Mediterranean Sea, Italy). Journal of Marine Science and Engineering, 11(9), 1694.

[2Groppelli, S., Pennati, R., Scarì, G., Sotgia, C., & De Bernardi, F. (2003). Observations on the settlement of Phallusia mammillata larvae: effects of different lithological substrata. Italian Journal of Zoology, 70(4), 321-326.

Comentar

Quem é você?

Pour afficher votre trombine avec votre message, enregistrez-la d’abord sur gravatar.com (gratuit et indolore) et n’oubliez pas d’indiquer votre adresse e-mail ici.

Inclua aqui o seu comentário

Este campo aceita os atalhos SPIP {{negrito}} {itálico} -*liste [texte->url] <quote> <code> e o código html <q> <del> <ins>. Para criar parágrafos, deixe simplesmente linhas vazias.

Apoie o Portal